Cinco mulheres e o creme Cien

O ano é 2016 e a Deco Proteste fez um teste que trouxe redenção de filme a uma humilde e familiar (amêndoas da Califórnia! Vida!) marca: entre La Mer, Biotherm e outras marcas de dois, três dígitos de custo, o melhor creme hidratante do mercado português foi para o Cien Aqua Creme Hidratante. Cien. Do Lidl. Insira a cara de choque aqui. Desde então, nós, os comuns mortais, temos o nosso La Mer acessível. Imagino o trabalho de Sísifo dos repositores, ao encher vezes sem conta as prateleiras da secção de Perfumaria para os fanáticos as deixarem vazias de novo. Sou culpado de ter comprado dois boiões.

A Deco Proteste testou cremes hidratantes à venda em perfumarias, supermercados e farmácias, que foram entregues a mulheres entre os 25 e os 66 anos. Cobriram as embalagens para que não soubessem a marca que estavam a usar, e explicaram o modo de utilização dos produtos. Verificaram os níveis de hidratação na pele, entre outras características, como o fator de proteção solar nos produtos com filtros. As mulheres variaram os produtos semanalmente, e no final, preencheram um questionário para avaliar certos parâmetros.

Atormentado pelo meu espírito mau e desconfiado, quis saber: será isto uma conspiração? Considerem esta era manhosa de agora. Acreditavam instantâneamente que um creme que custa menos de cinco euros tem potência para enfrentar a concorrência mais pesada? Ou estamos presos num furacão de marketing, nomes complicadamente atrativos, agarrados à ideia do que o caro é que é bom? Decidi então entrar em modo detetive.
Sinto o dever de esclarecer que não fiz um estudo respeitável do Cien Aqua Creme Hidratante, e nem estou ao nível estatístico do teste anteriormente mencionado.  Recolhi uma amostra suspeita (cinco mulheres próximas a mim, com tipos de pele diversos) com parâmetros de avaliação tão descontraídos como espreguiçar-se no café: O creme hidratou ou não? Causou-te borbulhas? Como é que ficou o aspeto geral da pele? Voltavas a usar? Compravas? Passada uma semana de teste…

Ana: Pele seca

“Achei a absorção rápida, pelo menos mais rápida do que o creme que costumo usar. A minha pele ficou suave. Não gosto do perfume. Podia usar de novo, porque a pele deixa de estar seca, mas pelo cheiro, não comprava.”

Carolina: Pele normal

“O creme absorveu bem na pele e não apareceu nenhuma borbulha. Voltava a usar, o cheiro é bom e isso tudo mas não te sei dizer ao certo se me fez alguma diferença ou não. Talvez em tempo mais frio. Voltava a comprar porque dura, e espalha bem. Só um bocadinho no dedo deu para a cara toda.”

Creme Cien - Textura

Catarina: Pele mista

“Eu senti que ele (o creme) hidrata bastante, mas para mim só funciona enquanto creme de noite, porque acordei com a pele macia e nada oleosa. Se o usar de dia, fico com a pele bastante gordurosa. Também não confio colocar maquilhagem por cima porque fico com a sensação que a base não se fixa. Mas olha, nem odiei. Absorve bastante bem, não me fez reação nenhuma, nem borbulhas. O cheiro incomoda um bocadinho.” E comprava? “Se calhar não,” respondeu, “porque prefiro pagar um bocadinho mais por algo que funcione a 100% comigo do que pagar pouco por algo que só me dê jeito a usar como creme de noite. Se calhar mesmo por isso ficaria no canto da gaveta.”

Mara: pele oleosa

“É um creme leve, e acho que absorveu bem. O cheiro é normal, não é mega cativante mas também não é enjoativo – se bem que eu gosto de coisas cheirosas. Ele é tão leve que eu não tenho a certeza que hidratou…acho que sim, mas estou habituada a cremes mais pesados. Tive algumas borbulhas mas penso que estão relacionadas com o meu ciclo menstrual. Provavelmente não voltava a comprar.”

Joana: pele sensível

“Achei inerte. Hidratou, é bastante fluido mas a absorção não foi a melhor. Demorou muito a absorver, e sentia a cara sempre molhada.” Como a Joana tem a pele mais sensível, perguntei-lhe se o produto causou alguma reação inesperada. “Não fez reação nem causou borbulhas – não ajudou nem desajudou. Não é que o produto seja mau ou desadequado, mas para a minha pele, não achei adequado. Também não gostei do cheiro.”

Mas…e o estudo? Com as cartas na mesa, o que concluir? Que afinal isto não passa tudo de uma trapaceira?

Não vamos encarar os resultados de tal forma vulgar. Apesar de apresentarmos conclusões distintas, ambos os estudos não se invalidam um ao outro, basta notar a diferença de rigor e de parâmetros de avaliação. A chave está no último testemunho: todos precisamos de coisas diferentes. E ainda bem que neste mundo bicudo da beleza, o Cien Aqua Creme Hidratante não perdeu tempo a ser perfeito mas sim capaz – todas as mulheres concordaram que o creme fez jus ao seu nome no que toca à hidratação. É bem formulado (com adições inesperadas e positivas para um creme de supermercado como o pantenol e outros antioxidantes), contém proteção UVA/UVB, e até podem experimentar utilizar como sleep mask, como o caso da Catarina. Este pode ser o vosso novo favorito. Não o encarem como um risco. Afinal, só custa três euros e tal.

Cien Aqua Creme Hidratante, 3,49€
Disponível nas lojas Lidl

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *